A receita

É difícil uma pessoa deparar-se com este mural e não esboçar um sorriso. Quem escreve estas linhas neste blogue faz invariavelmente parte dessa minoria silenciosa chamada “pés de chumbo”, mas reconhece que quem tem o gosto e o dom da dança partirá certamente em vantagem quando se trata de curar mazelas, sejam elas as da alma e, em alguns casos, até do próprio corpo. Escrever estas linhas numa parede – ainda para mais, numa zona de grande diversão nocturna em Lisboa – é lançar uma mensagem de esperança, como se fosse um médico a aviar uma receita a um paciente, com a vantagem de não cobrar pela consulta e de dar uma receita sem efeitos secundários.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s